quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Gente, eu estou com medo. Sério, medo demais.

Meu marido chegou em casa às 22:00 e disse que a recém haviam assaltado uma farmácia próxima à minha casa. Meia hora depois, minha tia me liga dizendo que haviam acabado de assaltar ela e levaram o carro, documentos, celular, tudo. No fim da tarde de hoje também assaltaram o sócio do meu tio quando ele se preparava para estacionar o carro na garagem de casa. Também levaram carro, documentos e tudo o mais que estava no carro.

Eu nunca tive medo se sair de casa. Amo Viamão, nasci aqui, moro aqui e sempre digo que só não vou ser enterrada aqui porque meu desejo é ser cremada, mas minhas cinzas estarão aqui.

Mas hoje estou com medo. É estranho como essas coisas abalam não só a vítima, mas as pessoas à sua volta também. Nossa vida pode ser encontrada em resumos dentro de um celular, uma bolsa, um laptop. Nas coisas da minha tia estavam contas que tinham nosso endereço, as chaves de casa, o controle automático do portão, números dos contatos dela, cartões de banco, papéis da faculdade, papéis da escola em que leciona ...

Hoje meu marido não vai trabalhar. Estamos esperando o chaveiro 24 horas vir até aqui. Se os ladrões atinarem, eles entram em nosso prédio sem fazer força, e agora temos que trocar tudo. Minha tia teve que bloquear contas de banco, sustar o talão de cheque, bloquear o celular. Conhecendo bem ela, metade dos contatos do celular ela não tinha em lugar nenhum além do celular.

Uma rotina desorganizada em questão de minutos. Minha tia é solteira, mora sozinha à mais de 10 anos, e hoje ela tem 43 anos. Ela levou todo esse tempo para comprar esse carro. Não era luxuoso, mas era novo, e era dela. Faltam 4 anos para acabar de pagar, o carro tem um ano. E ela é impressionável. Não sei quanto tempo ela levará para sair sozinha em um carro de novo.

Minha tia é irmã gêmea de minha mãe, e fará aniversário na próxima quarta-feira, dia 13.

Só que ela ficou sem vontade de festejar. O trabalho e suor de uma vida. Pode parecer exagero, mas para quem ganha pouco, um carro é um luxo. Minha tia é professora de história, e todos sabemos que um professor trabalha muito e ganha pouco.

Sim, graças aos Deuses minha tia está bem. Está viva, sem nenhum arranhão físico. Mas eu sei como a cabeça dela funciona.

Ela é uma mulher de aparência forte, mas é frágil, e eu sei quantas vezes ela chora sozinha no quarto dela. Mas ela desmorona às vezes.

Tenho medo que ela desmorone agora.

E tenho medo , porque Viamão não é mais um lugar tranquilo para se viver. Já foi. Não é mais faz tempo, mas só reparamos de verdade nisso quando atinge alguém próximo.

Essa noite não conseguirei dormir, sei que ficarei sobressaltada ao menor ruído. Mas estamos bem, minha tia está bem e isso é o mais importante.

E o carro tinha seguro, afinal de contas.

6 Comentários:

Blogger Graci Baiana disse...

O mais importante foi preservado, a vida dela minha Flor!
E todos os lugares estão assim, não tem jeito, a violência tomou conta!
Fiquem com Deus!
Um beijo.

6 de janeiro de 2010 20:40  
Blogger É agora, nunca já é passado!! disse...

Oie linda vou rezar para que nada acontece viu....
Se Deus permitir não acontecerá nada!!!
Graças a Deus todos ficaram bem....
bjkas e fique com Deus sempre tá

6 de janeiro de 2010 20:44  
Blogger Andrea Aoki disse...

Nossa, hj em dia não tem lugar mais seguro né? Onde a gente menos espera acontece alguma coisa, mas graças a Deus q estão todos bem.
Espero que fique tudo certinho por ai, beijos **

7 de janeiro de 2010 00:42  
Blogger Naine e Zanza e um unico ideal!!! disse...

nossa q horror mais troca sim as trancas e melhor aiiiiiiii q medo vamos orar pela sua cidade e sua familia um bj otima quinta!

7 de janeiro de 2010 10:10  
Blogger Erika numa Batalha da Pesada disse...

É uma M né... Pô, a gente trabalha a vida toda pra conseguir nossas coisas, aí vemum ladrãozinho de merda e em 5 minutos leva tudo.

Outro dia tb levaram o som do meu carro. Em um lugar super tranquilo e considerado seguro. Mas a verdade é que lugar nenhum mais está seguro.

Força aí pra sua tia e pra sua familia!! Vai ficar tudo bem... energias positivas...
bjs

7 de janeiro de 2010 10:12  
Blogger Paloma Coelho disse...

Não sei onde vamos parar, sendo refem de nossa proprias casas, a vida tá a cada dia mais dificil, acho que esse é real fim dos tempos. Mai graças a Deus a sua tia esta bem e o carro tinha seguro, as dores de cabeças sao inumeras, mais estara tudo bem. beijos.

7 de janeiro de 2010 18:15  

Postar um comentário

Cada tecla apertada é uma caloria perdida!kkkkkkk

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial